Recomendações para manter os cibercriminosos afastados ...

Recomendações para manter os cibercriminosos afastados …

9 de dezembro de 2014

“À medida que novos dispositivos de gerenciamento de informações surgem, a maneira como os usuários interagem com a Internet também muda. Os cibercriminosos também modificaram seus mecanismos de ataque, desenvolvendo códigos maliciosos para atingir seus objetivos, aos quais adicionaram plataformas móveis de vários fabricantes nos últimos anos ”. Isso foi relatado por Renato de Gouveia, que é gerente de marketing e vendas da empresa de soluções anti-malware ESET.

O especialista em segurança informática considera que os usuários devem adotar um papel mais cauteloso no manuseio das informações, aplicar os controles de segurança disponíveis e ter em mente que a ameaça não pesa apenas nos computadores tradicionais com acesso à rede, eles também são dispositivos não convencionais como o celular telefones, tablets e podem até afetar eletrodomésticos do dia a dia, como TVs inteligentes.

Da mesma forma, ressaltou que, embora o malware seja um dos mecanismos de ataque utilizados pelos cibercriminosos, não é o único. “Por meio da engenharia social, em muitos casos as informações são comprometidas sem que o computador seja infectado. Para evitar isso, os controles devem ser abrangentes e a educação para a segurança é uma parte importante da boa gestão que nos ajudará a estarmos preparados para os riscos ”, disse De Gouveia.

Em relação à segurança das informações armazenadas na nuvem, ele lembrou que não depende apenas do provedor que protege o conteúdo. Boa parte dos ataques e infiltrações têm sido realizados utilizando dados de acesso de usuários, uma vez que foram roubados por técnicas de engenharia social ou infectando seus computadores. Ele também enfatizou que todos os tipos de ameaças informáticas são investigados nos laboratórios da ESET, o que nos permite conhecer as tendências e, a partir delas, oferecer soluções aos usuários.

Recomendações de segurança de computador

Embora existam tantos mecanismos de proteção de informações quanto pontos de vulnerabilidade, o especialista ofereceu cinco recomendações simples que ajudarão a proteger os computadores e dados privados dos usuários:

  1. Ter proteção antivírus original é essencial. Isso deve ser suportado por outros como firewall, antispam, proteção contra phishing, controle de conteúdo, criptografia de dados, entre outros.
  2. Habilite e use controles de segurança, como autenticação dupla. Isso permite evitar que pessoas não autorizadas usurpem a identidade do usuário, enviando-lhe uma chave de verificação quando ele tenta acessar o site desejado, ou pelo menos quando o faz a partir de um computador diferente daquele que usa regularmente.
  3. Eduque-se em segurança de computador para aprender boas práticas no manuseio de informações online e não seja vítima de engano. Nesse sentido, a ESET possui uma plataforma gratuita de educação em segurança de computadores, disponível em https://edu.eset-la.com.
  4. Manter os diferentes aplicativos e o sistema operacional dos computadores atualizados para corrigir possíveis problemas de vulnerabilidade descobertos.
  5. Utilizar corretamente as soluções de segurança disponíveis, garantindo assim que o controle tecnológico adequado esteja sendo aplicado.
[+] Videos de nuestro canal de YouTube