Microsoft Project Natick - Leona Philpop

Projeto Natick: Microsoft busca mover seus servidores para o fundo do mar

Microsoft iniciou seu projeto chamado “Projeto Natick“, cuja missão é lutar contra as mudanças climáticas reduzindo seu consumo de energia levando seus servidores de dados profundamente no oceanos. Graças a isto, consegue-se melhor refrigeração, redução de custos, elevada capacidade de resposta e utilização de energias renováveis ​​e ambientes mais bem controlados.

Microsoft Project Natick - Leona Philpop

Ben Cutler, gerente de projeto, indicou que “no oceano há muita energia produzida pelas marés e ondas que não é aproveitada. O objetivo de Natick é capturar essa energia e usá-la para os servidores antes que se transforme em calor.“Obviamente, este passo em direção ao uso de energias renováveis ​​é pensado de tal forma que não prejudique de forma alguma a flora e a fauna marinhas.

O primeiro protótipo é feito de uma cápsula de aço de quase 2,5 metros de diâmetro e 17.000 quilos de peso que recebe o nome de Leona Philpop, uma cápsula que integra um servidor resfriado a nitrogênio e que está submersa nas águas próximas à costa californiana desde agosto de 2015 e que hoje funciona com sucesso a partir do fundo do mar.

via: RT