NVIDIA abre caminho para os veículos de amanhã ...

NVIDIA abre caminho para os veículos de amanhã …

13 de janeiro de 2015

Trazendo o mundo para mais perto de um futuro com veículos de piloto automático que veem e entendem tudo ao seu redor, a NVIDIA apresentou hoje os computadores automotivos NVIDIA DRIVE, equipados com poderosos recursos de visão computacional, aprendizado profundo e display avançado na cabine.

A NVIDIA oferecerá dois computadores para veículos: NVIDIA DRIVE PX, para desenvolver recursos de piloto automático, e NVIDIA DRIVE CX, para criar os mais avançados sistemas de cockpit digital. Esses computadores automotivos para veículos são baseados na mesma arquitetura usada nos supercomputadores mais poderosos de hoje.

“A supercomputação móvel será crítica para o veículo de amanhã, com sua vasta gama de câmeras e monitores”, disse Jen-Hsun Huang, CEO e um dos fundadores da NVIDIA. “Muito em breve, os veículos serão capazes não só de ‘ver’ os objetos, mas também de compreender a situação à sua volta e reagir automaticamente de acordo. Eles vão dirigir e estacionar sozinhos ”.

“O NVIDIA DRIVE permitirá avanços revolucionários em segurança e conforto veicular ao colocar a visão computacional, o aprendizado profundo e os recursos gráficos avançados a serviço de cada motorista.”

NVIDIA DRIVE PX

A plataforma de desenvolvimento do piloto automático NVIDIA DRIVE PX fornece a base técnica para veículos totalmente novos com muitos recursos, aproveitando amplamente os avanços recentes em visão computacional e aprendizado profundo.

O DRIVE PX inclui dois super chips móveis NVIDIA Tegra X1, construídos na mais recente arquitetura de GPU NVIDIA Maxwell e com mais de um teraflop de capacidade de processamento, fornecendo mais potência do que o supercomputador mais rápido do mundo há 15 anos. O DRIVE PX também possui entradas para até 12 câmeras de alta resolução.

Seus recursos de visão computacional permitem que os veículos encontrem uma vaga e estacionem sozinhos, sem qualquer intervenção humana. Embora os sistemas atuais ofereçam estacionamento paralelo assistido em um ponto específico, o NVIDIA DRIVE PX pode permitir que um veículo descubra vagas em um estacionamento lotado, estacione de forma autônoma e pegue o motorista novamente ao ligar de um smartphone.

Os recursos de aprendizagem profunda do DRIVE PX possibilitam que um carro diferencie entre diferentes tipos de veículos, por exemplo, distinguir uma ambulância de uma van de entrega, um carro de polícia de um sedan comum ou um veículo estacionado de outro que está prestes a se fundir no tráfego. Consequentemente, um veículo autônomo pode entender e reagir às nuances de cada situação, assim como um motorista humano faria.

via NVIDIA abre caminho para veículos de amanhã com computadores automotivos NVIDIA DRIVE | Jornal TI.

[+] Videos de nuestro canal de YouTube