Denuvo afirma que "não há jogo impossível de quebrar"

Far Cry: Primal e Rise of the Tomb Raider usarão Denuvo, adeus piratas?

Já anunciamos isso com Denuvo o fim da pirataria de PC começou, tecnologia anti-pirataria que conseguiu acabar com a pirataria onde quer que ela tenha sido imposta, e acredita-se que será a salvação da indústria por ser a melhor solução de DRM, e eles estão muito certos, pois para os já conhecidos títulos Triple A que o utilizam existem dois pesos pesados ​​que chegarão nos próximos dias, nós estamos falando sobre Far Cry: Primal e Ascensão do Tomb Raider.

Denuvo

Denuvo atua como uma camada adicional de proteção para complementar as formas existentes de DRM (SecuROM, TAGES, Games For Windows Live, Rockstar Social Club, etc). Aparentemente, Denuvo é melhor descrito como um “Software anti-sabotagem” este “ele criptografa e descriptografa continuamente, tornando-o impossível de ser quebrado.

Porém, Denuvo não é imune a hackers, já que jogos como ele Dragon Age: Inquisition ou o Senhores dos Caídos foram hackeados, mas no caso deste último demorou nada menos que 272 dias em ter o crack, o que ajuda muitos a desistir e acabar comprando o jogo. É por isso que agora Ubisoft e Square Enix têm apoiado o uso de Denuvo, já que é mais do que certo que, se um crack chegar, vai demorar muito para parar a primeira leva de jogadores piratas, desde títulos recentes como Justa causa 3 (da Square Enix) apoiado por Denuvo não foi hackeado.

Far Cry Primal

O acordo EULA de Far Cry: Primal indica que vai usar o Denuvo mesmo depois de desinstalar o jogo, algo que viola a lei europeia, pois se comporta como um spyware que não podemos nem desinstalar do computador.

“O PRODUTO ESTÁ PROTEGIDO POR UM SOFTWARE DE GERENCIAMENTO DE DIREITOS DIGITAIS (” Software DRM “) E PROTEÇÃO TECNOLÓGICA ANTI-SABOTAGEM.”

“ALGUNS ARQUIVOS PERTENCENTES À TECNOLOGIA ANTI-SABOTAGEM PERMANECERÃO PRESENTES MESMO APÓS O PRODUTO SER DESINSTALADO DO SEU EQUIPAMENTO.”

via: Eteknix