bq começa a demitir, fechar seu Call Center e terceirizar as posições

bq começa a demitir, fechar seu Call Center e terceirizar as posições

Perto de 800 trabalhadores do serviço técnico de bq foram convocados amanhã, 10 de março, para dar lugar a uma manifestação para relatar que a empresa começou a demitir trabalhadores da empresa porque isso está terceirizando empregos. Desde o início de 2016, a empresa já sofreu “oitenta vítimas entre não renovações e dispensas“. Rodrigo del Prado, cofundador e diretor adjunto da bq, anunciou que a situação está normal porque”existem períodos sazonais que requerem mais pessoal“Como pode ser o caso do Natal. Por sua vez, a comissão da empresa está atenta às oscilações sazonais, mas garantem que nunca foi tão grande como este ano.

bq Aquaris X5 Plus

Por outro lado, se fosse um “período sazonal”, a bq não estaria terceirizando o seu serviço. Del Prado prefere falar em “descentralização” para oferecer um atendimento mais próximo aos clientes como um “teste piloto”, ao mesmo tempo em que indica que as vendas teriam sido baixas devido a um “campanha de natal ruim“. Algo que poderia ser crível se não fosse pelo fato de o comitê da empresa ter explicado isso”Não adianta nada porque em entrevista ao ‘ABC’ eles garantiram que venderam mais do que em 2015, mas temos menos mão de obra e menos trabalho

Os funcionários também lamentam a modificação dos serviços de atendimento ao cliente, que fez “as pessoas repetirem e recomendarem a marca”. Por exemplo, o número do suporte técnico mudou de 91 para ligação gratuita para um número de pagamento, embora Del Prado esclareça que o serviço de pagamento é para atendimento mais personalizado, mantendo a linha gratuita para outras consultas. Os trabalhadores também não gostaram que a empresa tenha optado por empresas externas quando estiveram envolvidos no projeto desde o início.

via: Elconfidencial